Feria…s…do!

É, já faz um bom tempo que não venho por aqui e registro um pouco do que os dias revelam. Não acho que o velho hábito, insaciável, voltará mas ainda é divertido vir aqui e “tecer algumas palavras”!

Tem sido dias diferentes, uma mistura na verdade. Gosto da sensação de liberdade e ascensão de poder dentro de mim. Concordo, e percebo, o perigo que isso significa. Juro que busco equilibrar a explosão de potencial que acredito ter e, as vezes, ou muitas vezes, me vejo andar com pés firmes sobre o solo da prepotência. Não sei bem se é natural ou excepcional ter sensações assim.

Finais de semana me resumo a descansar e simplesmente ver o tempo passar. Atos de fé se tornam cada vez mais ausentes, e pior que isso, indiferentes. Há alguns conflitos que eram ausentes até pouco tempo mas que ganharam força e acabam por flexibilizar estruturas sólidas da minha criação.

Já é quase final do ano e logo logo será aquele hora em que celebramos a felicidade e renovamos metas e projetos. Gosto das festas de final de ano, tanto pela causa e mais ainda pela consequência. Ano que vem devo chegar aos 25 e deve ser novamente um ano diferente…acho que essa é uma das graças da vida!

…aperte o cinto e seja feliz! Vamos a luta, que a vida continua continuando.
até breve, quem sabe!?