Promessa…

Hoje me peguei pensando em todas as musicas que já escrevi! A alguns dias essa lembrança tem vindo sussurrar aos meus ouvidos.

Com um pouquinho mais de atenção dada a elas, as lembranças, decidi evitar de compor! Tal habilidade já imortalizou detalhes demais! Acho que por hora devo me inibir.

Não sou Deus da razão e muito menos do tempo.
Sei de coisas que me fariam repensar, mas…sem mas!
Escrevo aqui pra lembrar…ou pra esquecer – bem clichê.

“beginning of the end…”

Inpiração é algo que brota de uma fonte imprevisível! Eu poderia gastar uma centena de palavras e não conseguiria dizer muito sobre de onde vem essa vontade repentina de expor em palavras um esboço de sentimentos-pensamentos que me ocorrem!

Hoje, ou agora, me veio após assistir um filme – percebi  que gosto muito da sensação de ver um filme sozinho, e poder, sem medo ou constrangimento algum, deixar meu corpo expressar as reações causadas pelas imagens, frases e sons.
Começo, meio e fim! Simples assim!
Bem jargão mesmo!

Fazer do luto um valor da vida!

Que contradição!

Filme: Passageiros(2008)

Tudo vai melhorar!

Hoje acordei meio assim…
Foi difícil viver ontem, lembrar o antes de ontem, e acreditar que existe um hoje ou amanhã!

Não tive a coragem de desejar o feliz aniversário que planejei durante meses!
Hoje, mais do que nunca, quero andar pra frente, forçar meus pensamentos em outra direção, outro caminho! Me machuquei muito!

A vida é assim, cheia de altos e baixo e cabe a nos continuarmos a reagir!
Se não me mata, é porque ainda consigo viver!